porto santo 20120131 1152764124 porto santo 20120131 1964142097 porto santo 20120131 1335348395
Ilhéu de Baixo Ilhéu de Fora e Ilhéu das Cenouras  Ilhéu de Ferro

 

O IFCN, IP-RAM informa que no âmbito das medidas de contingência relativas ao COVID-19, divulgadas pelo Governo Regional ( Consultar documento - Resolução n.º 282/2020 ), perante autorização do IFCN, IP-RAM é permitida a visitação desta área protegida, sendo obrigatório o cumprimento das seguintes medidas: manter o distanciamento mínimo de 2 metros entre si; respeitar a etiqueta respiratória; usar máscara de proteção; e cumprir com a capacidade de carga, a qual fica reduzida a 50% da capacidade normal.

Alerta igualmente para o cumprimento escrupuloso das orientações das Autoridades de Saúde e Proteção Civil.


A particularidade ecológica da área costeira da Ilha do Porto Santo, complementada pela presença de ilhéus rochosos, com particular relevância do ponto de vista da biodiversidade, assim como, o uso desta área de uma forma sustentada levou à criação da Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo.

Ilheu da Cal vis Ilheu Cima MapaRampps Ilheu de Cima vist ICal
Ilhéu da Cal visto do Ilhéu de Cima Mapa Porto Santo e Ilhéu de Cima
vistos do Ilhéu da Cal


É constituída pela parte terrestre de todos os ilhéus circundantes à Ilha do Porto Santo e pela parte marinha circundante ao Ilhéu da Cal ou de Baixo e ao Ilhéu de Cima, incluindo a zona onde se encontra afundado o navio O Madeirense.

VisitasIlheuCima1 VisitasIlheuCima2 VisitasIlheuCima3
 

O IFCN, IP-RAM informa que no âmbito das medidas de contingência relativas ao COVID-19, divulgadas pelo Governo Regional ( Consultar documento - Resolução n.º 282/2020 ), perante autorização do IFCN, IP-RAM é permitida a visitação desta área protegida, sendo obrigatório o cumprimento das seguintes medidas: manter o distanciamento mínimo de 2 metros entre si; respeitar a etiqueta respiratória; usar máscara de proteção; e cumprir com a capacidade de carga, a qual fica reduzida a 50% da capacidade normal.

Alerta igualmente para o cumprimento escrupuloso das orientações das Autoridades de Saúde e Proteção Civil.


Porque dar a conhecer o património natural da Região e das ações de conservação desenvolvidas, constitui um aspeto determinante para que sejam tomadas medidas adequadas, com vista à salvaguarda do meio ambiente e à melhoria da qualidade de vida da população, estas Ilhas são visitadas anualmente por milhares de pessoas, que ali se deslocam através de embarcações privadas e embarcações marítimo-turísticas, sempre mediante autorização prévia da entidade gestora da área, o Instituto das Florestas e Conservação da Natureza IP-RAM.

A atividade principal de turismo de natureza aqui desenvolvida é a visita guiada por um percurso interpretativo, seguindo-se a observação e escuta de vida selvagem, entre tantas outras. Solicite a respetiva autorização através do portal de serviços on-line SIMplifica.

Para o exercício de qualquer outra atividade não prevista neste Portal, como sejam a investigação, a recolha de imagens para fins comerciais e publicitários, entre outras, para a respetiva autorização, preencha o formulário e submeta o seu pedido ao Instituto das Florestas e Conservação da Natureza IP-RAM.

A entidade gestora não se responsabiliza pelo transporte para desembarque dos tripulantes e passageiros em terra.

No âmbito da Educação Ambiental existe um programa de visitas ao Ilhéu de Cima, no qual poderá participar qualquer grupo de caráter pedagógico. Para tal, contacte o Instituto das Florestas e Conservação da Natureza IP-RAM. Consulte o programa de atividades de Educação Ambiental.

 

 

IheusdasCenouraseForaVistIFora PortoSantoIlheuCimaVdoICal PortoSantoVICal
Ihéus das Cenouras e de Fora
vistos do Ilheú de Cima
Porto Santo e Ilhéu de Cima
vistos do Ihéu da Cal
Porto Santo visto do Ilhéu da Cal

 

A Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo foi criada em 2008. Os objetivos da criação desta área protegida foram vários, destacando-se a protecção da biodiversidade, o aprofundamento e a divulgação dos seus valores naturais, científicos e estéticos e a promoção da utilização sustentada do espaço compatibilizando os usos e a defesa dos recursos naturais e a criação e promoção de uma economia sustentável.

HABITATS

porto santo 20120131 1266976101 Perrexil ou Funcho marinho Figueira do inferno
Corre-caminhos Perrexil ou Funcho-marinho Figueira-do-inferno

 

A Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo combina uma variedade de factores, nomeadamente: localização geográfica, isolamento e condições de colonização muito difíceis, que as fazem apresentar habitats que são representativos e importantes para a conservação in situ da biodiversidade.

ilhu de cima 20120131 1654847875 FarolIlheudeCima FarolIlheudeCima2
Acesso ao topo do Ilhéu do Farol Farol no Ilhéu de Cima Farol no Ilhéu de Cima


No início da colonização a importância e utilização do ilhéu de Cima residia apenas do rendimento do gado aí deixado. Mais tarde, em 1834, foi apresentada uma proposta da exploração de salinas. Mas foi em 1900, com a instalação do farol, que o Ilhéu de Cima se tornou num lugar conhecido.

porto santo 20120131 1905091744 Mergulho1 Mergulho2
Mergulho


ESTATUTOS DE PROTEÇÃO

A Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo integra Áreas de Proteção Total, Áreas de Proteção Parcial Tipo I e II. Esta diversidade implica diferentes níveis de proteção e, consequentemente, diferentes atividades e restrições de usos do solo e do meio marinho.

Decreto Legislativo Regional n.º 7/2021/M, de 16 de março - Cria a Rede de Monumentos Naturais da Região Autónoma da Madeira 

Portaria n.º 421/2020, de 10 de agosto - Estabelece as condições específicas para a captura de isco vivo destinado à pesca de tunídeos na área da Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo.

Portaria n.º 124/2018 - Altera a Portaria n.º 30/2017, de 8 de fevereiro a qual estabelece as taxas dos produtos comercializados e dos serviços prestados.

Portaria 78/2017, de 16 de março, que suspende parcialmente a produção de efeitos da Portaria 30/2017, de 8 de fevereiro, que estabelece as taxas devidas pelo serviços prestados pelo Instituto das Florestas e Conservação da Natureza, IP-RAM.
Portaria n.º 30/2017, de 8 de fevereiro  - Estabelece as taxas dos produtos e serviços prestados pelo IFCN

Regulamento do Plano de Ordenamento e Gestão da Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo

Resolução do Conselho de Governo n.º 1291/2009, de 2 de outubro – Procede à classificação de Sítio de Importância Comunitária (SIC) para Zona Especial de Conservação (ZEC).

Decreto Legislativo Regional nº32/2008/M, de 13 de agosto - Cria a Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo e consagra o respetivo regime jurídico.

Consulte ainda o Plano de Ordenamento e Gestão da Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo

 

Logotipo da Rede de Áreas Marinhas Protegidas do Porto Santo